19 3458.5600 / 19 9 9257.4379 agif@agifseguros.com.br
Escolha uma Página

Ao fazer um seguro você protege seu patrimônio, e, além disso, é um tipo de investimento direcionado a cobrir o risco de perda de algo valioso. Ou seja, os seguros servem exatamente para você ficar prevenida contra qualquer incerteza e riscos que a vida proporciona.

Existem no mercado, seguros de todos os tipos. Os mais comuns são os seguros de automóvel, de roubo, de imóveis, de vida e acidentes pessoais, de saúde, dentre outros. Eles são mediados por um instrumento legal, que seria o contrato, estabelecido entre a seguradora e você, para que seja feito o acordo de cobertura de risco.

O custo a ser cobrado é chamado de “prêmio”, que é o que você paga à empresa de seguro para ter sua cobertura. Este prêmio pode ser pago à vista ou a prazo, mas na segunda opção são cobrados encargos financeiros, que no atraso das parcelas podem resultar em suspensão do serviço. É importante ressaltar que essa cobertura só atenderá as suas necessidades, então deve ser feito de acordo com a sua vontade e não a do segurador.

Em caso de insatisfação com o seguro adquirido, você pode recorrer a duas instituições responsáveis por problemas como os mesmos: Susep (Superintendência de Seguros Privados), que tem o objetivo de executar e finalizar o cumprimento das políticas do mercado securitário; e o PROCON (Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor), que tem a finalidade de elaborar e executar as políticas de proteção e defesa dos consumidores.

Ao fazer a aquisição de um seguro e na hora de escolhê-lo, é necessário tomar alguns cuidados. A seguir, você verá alguns deles.

• Verifique a qualidade da seguradora;
• Consulte o cadastro de reclamações do PROCON do seu Estado;
• Verifique a capacidade do corretor, e se ele é habilitado pela Susep;
• Discuta com o corretor sobre os tipos de seguro que estão ao seu alcance e defina que tipos de risco você quer cobrir;
• É obrigação do corretor, esclarecer todas as suas dúvidas;
• Analise bem os produtos oferecidos com relação ao prêmio e a qualidade do serviço;
• Observe atentamente as condições de pagamento do seguro;
• Leia atentamente o contrato a serem assinados, inclusive aquelas letras minúsculas que ficam no final da página.

Portanto, conclui-se que os seguros são importantes para qualquer eventualidade que possa acontecer, principalmente nos dias de hoje que são completamente conturbados, e o índice de roubos é grande. Mas não se prenda aos seguros, preze pela sua segurança, coloque alarmes e trancas nos carros e casa, e procure checar mais de uma seguradora para avaliar suas propostas e ver em qual se encaixa as suas necessidades.